Buscar
  • Clínica

Eczema atópico / Dermatite atópica

Atualizado: 8 de Jul de 2019




É uma condição comum da pele, conhecida como placas que coçam intensamente. Essas placas podem ser disseminadas ou limitadas a pequenas áreas.

A coceira geralmente leva ao surgimento de vermelhidão, inchaço, ressecamento, saída de secreção fluida, formação de crostas e escamas na pele. Além disso, a coceira permanente pode causar dano à pele, infecções secundárias por bactérias e alteração do sono.

Dez a vinte por cento das crianças e 1 a 3% dos adultos desenvolvem dermatite atópica, fazendo deste o tipo mais comum de eczema. Em 60% dos casos ou mais, a dermatite atópica tem início no primeiro ano de vida, mais raramente surge na puberdade ou na vida adulta.

Eczema infantil

Nos bebês as placas que coçam tendem a surgir no couro cabeludo e face, principalmente nas bochechas. Algumas crianças têm a condição resolvida até os 2 anos de idade.

Durante a infância, as placas normalmente se formam na parte posterior dos joelhos e na dobra dos cotovelos. As crianças tendem a melhorar os sintomas com o crescimento.

Eczema do adulto

A dermatite atópica pode ser uma condição duradoura, mas por sorte, para a maioria dos pacientes tende a se tornar menos grave com a idade. Durante a adolescência ou no adulto jovem, as placas pruriginosas geralmente se desenvolvem nos cotovelos e joelhos.

Outros locais comuns são as mãos, pés, tornozelos, punhos, face, pescoço e parte superior do tronco. As placas não são restritas a essas áreas, podem surgir em qualquer área do corpo, incluindo pálpebras e região periocular.

Nos adolescentes e adultos as placas de dermatite atópica são tipicamente secas, podem apresentar despigmentação, assim como escamas e espessamento da pele.

O que deve ser feito para tratar esta condição?

– mudanças de hábitos e do estilo de vida muitas vezes são necessários, como aplicar cremes hidratantes, evitar certos tecidos como lã e uso de bijouterias, assim como banhos excessivos com temperatura quente.

– aplicação de cremes de corticoide e medicações modificadoras da resposta imune, as quais podem ajudar a reduzir a inflamação e a coceira.

– medicações orais como anti-histaminicos e antibióticos algumas vezes se fazem necessários.

– terapias com luz ultravioleta (fototerapia) entre outras.

Seu dermatologista pode te orientar com varias dicas que irão sempre ajudar.

4 visualizações

Email: contato@alicebucard.com.br

Fone: (21) 2249-9796 • (21) 98491-3106

Rua Visconde de Pirajá, 595 sala 509

Ipanema • Rio de Janeiro • RJ

Entre em contato

Alice Buçard Clínica Dermatologica - 2019 Todos os direitos reservados

Logo Horizontal res.png