• alicebucard

Plasma Fracionado | Tratamento para flacidez na pálpebra


Uma queixa muito frenquente entre homens e mulheres a partir de 50 anos é a flacidez da pálpebra móvel. Para além de questões estéticas, o incômodo e até certos prejuízos à visão fazem com que muita gente recorra à blefaroplastia, cirurgia que reduz a quantidade de pele da pálpebra por meio de retirada do tecido em excesso.


Mas, com a tecnologia de estímulo com plasma, hoje já é possível obter resultados semelhantes à blefaroplastia, a partir de um tratamento não invasivo. Trata-se de uma tecnologia que reequilibra o potencial elétrico das membranas celulares e, assim, promove um aumento da síntese metabólica culminando na formação de colágeno e na produção de fibras elásticas. O resultado é uma melhora das irregularidades e das imperfeições na pele, redução da flacidez e contração do tecido “despencado” sobre os olhos.


O tratamento com plasma, mesmo sendo realizado na região sensível dos olhos, é extremamente seguro, pois atua como um gerador eletrônico de plasma que explora a ionização dos gases presentes no ar, gerando um pequeno arco elétrico que opera no nível do tecido superficial, sem causar danos aos tecidos em volta. Por esse motivo, o tratamento não fica restrito à pele sobre os olhos, podendo ser utilizado para tratar também o excesso de pele da parte inferior e lateral dos mesmos.


Através da sublimação dos corneócitos (parte mais externa na pele), ocorre uma contração das fibras da pele e estímulo da formação de um novo colágeno. Assim, o tratamento promove efeito lifting e melhora o tônus cutâneo. A cada sessão ocorre retração de até 30% da pele tratada.


Vantagens do tratamento com plasma fracionado


As vantagens deste procedimento com plasma são o uso somente de anestésico tópico, sem cicatrizes, sem cortes e com recuperação rápida, em até sete dias. A manutenção é feita a cada ano ou, dependendo do caso, a cada dois anos, mas tudo sempre dependerá do caso específico de cada paciente.


Para que o tratamento seja eficaz, também é importante focar nos cuidados após o procedimento, já que a pele fica cheia de pequenas "queimaduras".

É recomendável usar água termal para hidratar, hidratantes em veículos calmantes (de preferência com base em gel) e bastante filtro solar”. É também importante utilizar produtos que estimulem a cicatrização, de acordo com a indicação de seu dermatologista. Quem faz tratamento com algum despigmentante, só poderá usá-lo novamente após a recuperação completa.


15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo